Arquivos do Blog

Teatro de Bonecos do Nordeste, Patrimônio Cultural do Brasil

LOGO_teatro de bonecos

Foi publicado no Diário Oficial da União, pelo Ministério d Cultura, o comunicado de reconhecimento do Teatro de Bonecos Popular do Nordeste como Patrimônio Cultural do Brasil.

De acordo com o texto, a decisão foi tomada, por unanimidade, pelo Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). O pedido de inclusão foi feito pela Associação Brasileira de Teatro de Bonecos.

Com a aprovação do registro, o Teatro de Bonecos Popular do Nordeste passa a ter proteção institucional, ou seja, uma garantia de salvaguarda do bem cultural.

Apesar de ser amplamente conhecido como mamulengo, o teatro de bonecos tem diversas denominações regionais: Cassimiro Coco, no Maranhão e Ceará; João Redondo e Calunga, no Rio Grande do Norte; Babau, na Paraíba, e Mamulengo, em Pernambuco.

Fonte: http://agenciabrasil.ebc.com.br/cultura/noticia/2015-04/teatro-de-bonecos-do-nordeste-e-reconhecido-como-patrimonio-cultural-do

Anúncios

São João do Brasil (para o mundo)

foto divulgação

foto divulgação

Cultura popular, com ênfase nas regiões Norte e Nordeste e apreciado por uma grande parcela da população brasileira, assim é a Festa de São João, que caminha para uma nova dimensão: o mundo.

Este é o novo desafio que a Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) está enfrentando e para isso já está desenvolvendo ações junto as regiões do Norte e Nordeste, onde a festa tem mais tradição e apelo turístico.

“Precisamos acrescentar ao imaginário coletivo mundial uma nova imagem do Brasil que são nossas festas juninas. Queremos que o turista estrangeiro associe o Brasil também com esses festejos, assim como faz com o carnaval”, ressaltou Flavio Dino.

Aconteceu no dia 23/4/2015, em São Paulo, o Seminário São João do Brasil, onde a tradicional festa, realizada durante o inverno brasileiro, foi tema de discussão, realizado pelo Instituto Pensar, em parceria com a Promo Inteligência Turística,  apoio do Ministério do Turismo, Governo do Estado de São Paulo e Fecomércio.

“Hoje o Brasil tem apenas um produto turístico em caráter nacional, que é o carnaval. Precisamos unificar essas festas e transformá-las em um produto turístico que possa ser comercializado no País e no Exterior e promover o desenvolvimento de toda a cadeia produtiva do turismo e do setor de serviços de uma maneira geral”, afirmou Domingos Leonelli.

E assim tá surgindo o movimento São João do Brasil e acredito que está na hora de atualizar a imagem do Brasil perante os estrangeiros mesmo, tá na hora de mostrar mais que carnaval, samba e futebol. Tá na hora de buscar novas (se é que são novas) potencialidades turísticas e promover o evento dentro e fora do Brasil.

Para a senadora e vice-presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Turismo, Lídice da Mata, o São João é a bandeira de promoção do Brasil nos mercados doméstico e internacional.

“O São João é a bandeira de promoção do Brasil nos mercados domésticos e internacional. Hoje a procura por carnaval é muito grande, mas o São João recebe uma quantidade, de turistas, muito maior que as festas no eixo Rio-São Paulo. É necessário a reinvenção para que o São João consiga vencer o preconceito por ser uma festa que celebra a cultura nordestina. Ninguém discute o carnaval, mas quando se trata de São João há uma cultura protecionista e preconceituosa, principalmente na região sudeste, inviabilizando o crescimento e relacionamento a festa com a pobreza das regiões do Nordeste”, enfatiza Lídice da Mata, senadora e vice-presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Turismo.

Lídice destaca ainda a criação de um projeto que está no Conselho Nacional de Cultura que enquadra a festa de São João como Patrimônio Imaterial do Brasil. Junto a este projeto, o enquadramento do ritmo do “forró” também caminha para se tornar patrimônio nacional.

Quer saber mais?

https://aquarela2020.wordpress.com/2013/08/09/festas-juninas-no-imaginario-internacional/?blogsub=confirming#subscribe-blog

http://www.panrotas.com.br/noticia-turismo/politica/2015/04/entidades-querem-unificar-a-festa-de-sao-joao-entenda_113488.html

Quer conhecer um pouco dessa festa?

http://saojoaodobrasil.com.br/#main-slider-wrap

 www.saojoaobahia.com.br

www.saojoaodocerrado.com.br

www.portalmaisforro.com.br

www.portalforrozao.com.br

www.planetaforro.com.br

 www.estacaoforro.com.br

www.forroemsampa.com.br

www.forrozeiros.com.br

www.maisforro.com.br

www.saojoaodecampina.com.br

ARRAIAL DE SÃO PAULO

alfredo-volpi-festa-de-são-joão

“Inserir a celebração do São João no programa anual de eventos da Secretaria de Cultura atende a uma demanda da própria cidade, que já incorporou a comemoração no seu próprio calendário a partir das festas promovidas pelas paróquias e outras instituições, promovidas até então sem o apoio da Prefeitura”

Juca Ferreira – Secretário Municipal de Cultura da Cidade de São Paulo

Enquanto nas cidades nordestinas as festas juninas acontecem como forte recurso de mobilização social, fortalecimento cultural e principalmente produto turístico, atraindo cada vez mais gente para cada “cantinho” onde a festa e a comilança acontecem, para a maior cidade do Brasil a celebração nestes moldes (de grande evento) ainda é uma novidade, mesmo sendo esta a capital que reúne uma das maiores populações de nordestinos do país, em torno de 4 milhões de pessoas.

“Inserir a celebração do São João no programa anual de eventos da Secretaria de Cultura atende a uma demanda da própria cidade, que já incorporou a comemoração no seu próprio calendário a partir das festas promovidas pelas paróquias e outras instituições, promovidas até então sem o apoio da Prefeitura”

Como forma de fortalecer outras festas promovidas em diversas regiões da cidade, a Secretaria Municipal de Cultura também está apoiando a 5ª festa julina da Cidade Julia; Bloco do Beco Sacolão das Artes; Quermesse Capão Cidadão (o Casamento do Jumento 7) e o Arraiá Solidário da União Popular das Mulheres

 Uma festa feita para a família paulistana, para os nordestinos paulistanos de coração e para todos que gostam de boa musica, boa comida, boa companhia e acima de tudo: entretenimento!!!!

SERVIÇO

ARRAIAL DE SÃO PAULO

Vale do Anhangabaú – Região Central da Cidade de São Paulo

Dias: 06 e 07 de julho de 2013  (horários e atrações vide programação)

VEJA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA:

TENDA DE CORDEL CHAPÉU DE PALHA

 Dias 6 e 7, das 14h30 às 22h – Cordelistas convidados: João Gomes de Sá, Varneci Nascimento, Cacá Lopes, Costa Senna, Cleusa Santo, Moreira de Acopiara, Pedro Monteiro, Marco Haurelio, Luiz Wilson e Eufra Modesto. Repentistas convidados: Adão Fernandes e João Doto. Exposição, leituras, interpretação de cordéis, poemas e apresentações de cordel musicado com trava-língua e pitadas da obra de Luiz Gonzaga.

 FEIRA GASTRONÔMICA CHEFS NA RUA

Dias 6 e 7, das 14h30 às 22h (preços populares) – Com pratos da culinária regional servidos por chefs, bares e restaurantes da cidade, vendidos a preços populares de até R$ 15,00. Caldo de mocotó, linguiça artesanal, macaxeira com carne seca e arroz doce estão no cardápio. Haverá, ainda, harmonização de cachaças artesanais promovida pelo site Mapa da Cachaça, e para cada opção de prato, será sugerida uma bebida específica. Além disso, na barraca exclusiva do Mapa da Cachaça, o mixologista Junior WM servirá sua versão repaginada da mais popular bebida típica das festas, o Quentão. Ao todo, serão cerca de 40 barracas de alimentação

Shows no palco 1

  • QUATRO ASES DO FORRÓ: ANASTÁCIA, AMELINHA, DUANI E MILENA       sao-joao
    Dia 6, 16h
  • ALCEU VALENÇA
    Dia 6, 19h
  • PEIXELÉTRICO
    Dia 7, 16h30
  • ZÉ RAMALHO
    Dia 7, 19h30

 Shows no palco 2

  • CASA AMARELA
    Dia 6, 14h30
  • TRIO JUAZEIRO
    Dia 6, 17h30
  • Ó DO FORRÓ
    Dia 6, 20h30
  • DIEGO OLIVEIRA
    Dia 7, 15h
  • CIRCULADÔ DE FULÔ
    Dia 7, 18h

Maiores informações:

http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/cultura/noticias/?p=12636

Evento promovido pela Secretaria Municipal de Cultura, com promoção da TV Globo e patrocínio da Petrobras.

%d blogueiros gostam disto: